Pastor Marco Feliciano nega que queira ser Presidente do Brasil e afirma que houve mal entendido

0

Pastor Marco Feliciano nega que queira ser Presidente do Brasil e afirma que houve mal entendido

O Pastor Marco Feliciano afirmou que não tem o desejo de se tornar o Presidente da República, e que a informação passada pela assessoria da ExpoCristã, foi na verdade, um mal entendido.
Segundo Feliciano, um amigo fez uma brincadeira no momento do discurso em que ele afirmava ter o sonho de ver o país governado por um evangélico. “Eu disse que sonho, e por isso profetizei, que um dia veremos essa nação ser governada por um servo de Deus, cheio do Espírito Santo. Ai o Carlos Moysés que é um grande amigo disse: ‘E por que não você?’ Foi apenas isso que aconteceu”.
Marco Feliciano afirmou ainda que se realmente pretendesse sair candidato a Presidente, teria mais medo da rejeição entre os evangélicos do que da população em geral. O Pastor afirmou ainda que pretende resgatar a imagem dos políticos nacionais: “A política brasileira passa por um momento de transformação, de transição. O efeito transparência, o efeito ficha limpa, o efeito caça à corrupção provocada pela Presidente Dilma, tem mudado o cenário político nacional, vejo com bons olhos”.
Feliciano afirmou ainda que foi consultado por seu partido, o PSC, sobre a possibilidade de concorrer nas próximas eleições para o cargo de Senador. Para ele, isso é resultado de sua atuação na Câmara dos Deputados, onde segundo ele, vem tendo um bom destaque. “Apresentei 119 proposições, sendo um político “noviço”, acredito que tenho feito o meu trabalho. Fui considerado entre os parlamentares de primeiro mandato um dos mais atuantes”.
Encerrando a polêmica sobre a informação de que seria candidato à Presidência, Feliciano afirma que as chances disso ocorrer são “nenhuma”.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Gospel Mais

Deixe uma resposta