Ministério Público investiga gravação do Diante do Trono em Natal

0

Ministério Público investiga gravação do Diante do Trono em Natal
Cerca de R$ 290 mil reais dos cofres públicos supostamente foram usados para a realização do evento

De acordo com uma matéra do jornal Tribuna do Norte, o Ministério Público está investigando o uso de dinheiro público na gravação do 14º CD do grupo Diante do Trono. Só da prefeitura de Natal teriam sido gastos R$250 mil reais e o governo de Rio Grande do Norte outros R$40 mil.
O jornal apurou que o valor de R$ 250 mil foi repassado mediante a um convênio firmado entre a ecretaria Municipal de Turismo e a Fundação Oásis, que é ligada à Igreja Batista de Lagoinha. Para saber qual o motivo desse repasse, um dos integrantes da Promotoria do Patrimônio Público confirmou que solicitará informações e a cópia completa deste documento.
Durante a gravação do DVD e CD na Praia do Meio, a cantora Ana Paula Valadão, líder da banda Diante do Trono, negou que a apresentação tivesse patrocínio financeiro da Prefeitura do Natal. Segundo ela, o Executivo da capital potiguar havia oferecido apenas incentivos de natureza logística. “O apoio da Prefeitura e do Governo é com estrutura de segurança, banheiros, trânsito. Enfrentamos dificuldades em outras cidades para esse apoio. Aqui, não”, disse a cantora.
Os outros R$ 40 mil sairam do governo de estado também por meio de um convênio firmando entre Secretaria Estadual de Turismo e a Fundação Oásis, mas o destino dessa verba seria a “divulgação turística”.

Explicação da Prefeitura de Natal

O jornal Tribuna do Norte conseguiu falar com o secretário adjunto de Turismo, Wellington Paim, que explicou que os R$ 250 mil foram destinados em emenda parlamentar pelo vereador Albert Dickson (PP) para a Setur. Segundo ele o valor foi repassado para a Fundação Oásis para a divulgação da cidade em conjunto com a divulgação do evento.
“Esse dinheiro foi para divulgação. No plano de trabalho há divulgação em outdoor, spot, VT, banner, folder e site”, destacou Paim que também afirmou que no DVD será encartado um folder promocional de Natal. “Serão 300 mil folders encartados no DVD”.

Contradição

Na véspera da realização do show para gravação do DVD da banda Diante do Trono, o vereador Albert Dickson deu declarações à reportagem da Tribuna do Norte na qual afirmava desconher a destinação de recursos públicos para o evento. Albert Dickson comentou que havia apenas o compromisso da Prefeitura com a parte logística do show.


Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Gospel Prime

Deixe uma resposta