Pastor Silas Malafaia cria site contra a PL 122

3

Pastor Silas Malafaia cria site contra a PL 122

O pastor Silas Malafaia resolveu criar um site na internet para mostrar sua posição em relação ao Projeto de Lei 122/2006 que define crimes de preconceito contra homossexuais e expor aos brasileiros que essa lei é inconstitucional.
“Na verdade, o PL-122 é contra o artigo 5º da Constituição, porque o projeto de lei quer criminalizar a opinião, bem como a liberdade religiosa”, diz um trecho do texto.
O pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo luta contra a aprovação dessa lei há anos e já foi considerado um inimigo dos homossexuais por não medir palavras para explicar suas razões de ser contra esse PL.
Leia o texto do site:
Artigo 1º: Serão punidos na forma desta lei os crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional, gênero, sexo, orientação sexual, identidade de gêneros.
Comentário (Silas Malafaia): Eles tentam se escorar na questão de raça e religião para se beneficiar. O perigo do artigo 1º é a livre orientação sexual. Esta é a primeira porta para a pedofilia. É bom ressaltar que o homossexualismo é comportamental, ninguém nasce homossexual; este é um comportamento como tantos outros do ser humano.
Artigo 4º: Praticar o empregador, ou seu preposto, atos de dispensa direta ou indireta. Pena: reclusão de 2 a 5 anos.
Comentário: Não serão os pais que vão determinar a educação dos filhos — porque se os pais descobrirem que a babá dos seus filhos é homossexual, e eles não quiserem que seus filhos sejam orientados por um homossexual, poderão ir para a cadeia.
Artigo 8º-A: Impedir ou restringir a expressão e a manifestação de afetividade em locais públicos ou privados abertos ao público, em virtude das características previstas no artigo 1º desta lei. Pena: reclusão de dois a cinco anos.
Comentário: Isto significa dizer que se um pastor, ou padre, ou diretor de escola — que por questões de princípios — não queira que no pátio da igreja, ou escola haja manifestações de afetividade, irão para a cadeia.
Artigo 8º-B: Proibir a livre expressão e manifestação de afetividade do cidadão homossexual, bissexual ou transgênero, sendo estas expressões e manifestações permitidas aos demais cidadãos ou cidadãs. Pena: reclusão de dois a cinco anos.
Comentário: O princípio do comentário é o mesmo que o do anterior, com um agravante: a preferência agora é dos homossexuais; nós, míseros heterossexuais, podemos também ter direito à livre expressão, depois que é garantida aos homossexuais. O parágrafo do artigo que vamos comentar a seguir “constituiu efeito de condenação”.
Artigo 16º, parágrafo 5ª: O disposto neste artigo envolve a prática de qualquer tipo de ação violenta, constrangedora, intimidatória ou vexatória, de ordem moral, ética, filosófica ou psicológica.
Comentário: Aqui está o ápice do absurdo: o que é ação constrangedora, intimidatória, de ordem moral, ética, filosófica e psicológica? Com este parágrafo a Bíblia vira um livro homofóbico, pois qualquer homossexual poderá reivindicar que se sente constrangido, intimidado pelos capítulos da Bíblia que condenam a prática homossexual. É a ditadura da minoria querendo colocar a mordaça na maioria. O Brasil é formado por 90% de cristãos. Não queremos impedir ou cercear ninguém que tenha a prática homossexual, mas não pode haver lei que impeça a liberdade de expressão e religiosa que são garantidas no Artigo 5º da Constituição brasileira. Para qualquer violência que se cometa contra o homossexual está prevista, em lei, reparação a ele; bem como assim está para os heterossexuais. A PL-122 não tem nada a ver com a defesa do homossexual, mas, sim, quer criminalizar os contrários à prática homossexual — e fazem isso escorados na questão do racismo e da religião.

Confira o hotsite aqui
Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação integral do texto e a divulgação do link www.amigodecristo.com
Gospel Prime

3 COMENTÁRIOS

  1. :
    quando o homen ten verdadeiramente o amor de deus derramado dentro do seu coraçao esse amor flui en todos os aspectos e atitude da vida do homen uma das atitude e nao inpor a razao de deus de maneira exaltada e apropriativa porque o seu amor enche e tranncede de tal maneira a vida do homen que o orgulho de inpor opinios nao subsiste que os meus intentos de auto promoçao nao ten raiz que aponta os pecados do meu irmao ten un sabor amargo erepugmante porque verdadeiramente somente o amor de jesus nos conpleta

  2. :
    quando o homen ten verdadeiramente o amor de deus derramado dentro do seu coraçao esse amor flui en todos os aspectos e atitude da vida do homen uma das atitude e nao inpor a razao de deus de maneira exaltada e apropriativa porque o seu amor enche e tranncede de tal maneira a vida do homen que o orgulho de inpor opinios nao subsiste que os meus intentos de auto promoçao nao ten raiz que aponta os pecados do meu irmao ten un sabor amargo erepugmante porque verdadeiramente somente o amor de jesus nos conpleta

  3. Estou á favor desse homem de Deus há excessos na lei que estão querendo aprovar é preciso corrigir, o Brasil é um paiz livre e desse jeito onde vamos parar? Se alguém escolhe ser gay é um direito deles mas exigir que isso seja aprovado pela sociedade já é demais, nós critãos estamos orando e creio que Deus dará uma solução que seja justa. Não podemos impedir essas coisas mas temos o direito de não aceita-las visto que Deus as reprova/Rm1.27 E,semelhantemente,também os varões, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, varão com varão, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.

Deixe uma resposta