SOBRE FREQÜENTAR DUAS IGREJAS

11

Nome daniela
E-mail 
Sua Mensagem
pastor,alguém que é de outra igreja e fez quase todos os compromissos da igreja pode se converter?eu não quero continuar na minha igreja
Cidade / Estado manoel vitorino-bahia

RESPOSTA
daniela, eu não entendi direito sua pergunta.
você está querendo dizer que uma pessoa pode frequentar uma igreja e continuar pertencendo a outra.

Se for essa sua pergunta a minha resposta é que não convém que seja assim. Pois a palavra nos diz:

Mateus 6:24
24 – Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.
Uma pessoa dividida não é uma pessoa completa, seu corpo, seu coração e seus pensamentos devem estar somente em uma igreja, pois senão, você estará sempre comparando as igrejas, e isso não é bom pois você estaria julgando uma em detrerimento da outra.
Escolha apenas uma e se desligue a outra, ou você terá dois pastore e duas visões bíblicas diferente.

Que Deus te abençoe!

Pastor Júlio Fonseca
www.idagospel.com 

TAG: SOBRE FREQÜENTAR DUAS IGREJAS

11 COMENTÁRIOS

  1. Essa passagem da Bíblia lá em Mat. 6:24, não é pra esse tipo de situação. O fato de estar frequentando duas igrejas não quer dizer que estamos servindo a dois “deuses” ao mesmo tempo.
    Lá em Êxodo 20:3 diz assim: Não terás outros deuses diante de mim.
    E todas as pessoas que dizem ser cristãos, a congregação muda de nome uma para outra, mas o Senhor Jesus é o mesmo independente da congregação.
    Disse Jesus: “Eu sou o Alfa e o Omega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso”.Ap 1.8
    (…) “Eu sou o Alfa e o Omega, o princípio e o fim, o primeiro e o derradeiro”. Ap 22.13
    (…) “Falou-lhes, pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida”. (Jo 8..24)
    Hebreus, 13:8-10.
    Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente.
    Não vos deixeis levar por doutrinas várias e estranhas; porque bom é que o coração se fortifique com a graça, e não com alimentos, que não trouxeram proveito algum aos que com eles se preocuparam.
    Temos um altar, do qual não têm direito de comer os que servem ao tabernáculo.

    Essa última passagem deixa claro que o pastor se equivocou. Pois devemos servir a Deus a qualquer hora e em qualquer lugar, e não servi ao tabernáculo.

    Minha opinião é essa.

    Boa noite a todos.

  2. Na cidade onde moro, Guaratinguetá, existe uma briguinha entre as igrejas que não permitem perder fiéis para outras igrejas, mesmo se for somente para visitar. Deve ser o medo de perder DIZIMISTAS$$$$$$. E´ uma incoerência. Só é bem vindo se for visitar a minha , mas os da minha igreja visitar outras o pastor não autoriza. Sou em empregado da igreja, o pastor me sustenta ou pensa por mim? O engraçado que os pastores e a cúpula de certas igrejas, viajam, visitam outras cidades, fazem turismo religioso e às custas da igreja e aí, tudo bem…

  3. Graça e Paz meus amados.

    Gostaria de ouvir a opinião dos irmãos embora tenha meu pensamento consolidado a respeito desse assunto.

    Participo de uma Igreja (Congregação A) há cerca de dois anos, e foi lá que eu me batizei. Amo minha Igreja, meus Pastores, meus Líderes e não tenho nenhum tipo de problema lá.

    Vou ao culto sempre aos domingos pela manhã.

    Essa referida Igreja tem cultos as terças, quintas, sábados e domingos, sendo que os cultos de sábado são direcionados a juventude.

    Andei indo aos cultos de terça e de quinta também e eles são ótimos. Notei que quem frequenta terça, não vai quinta, quem vai quinta não vai domingo, e assim por diante. Então conclui que a maioria daquelas pessoas só vai à igreja uma vez por semana.

    Agora o motivo da minha dúvida é o seguinte: Continuo indo a essa Igreja todo o domingo pela manhã.

    Porém conheci outra Igreja (Congregação B) que também é maravilhosa, tão boa quanto a minha original (Congregação A).

    Desse modo, as terças e quintas vou a Congregação B e aos domingos vou a Congregação A.

    O razão de a coisa ser assim é que, graças ao SENHOR, tive a oportunidade de conhecer essa abençoada Igreja (Congregação B), além do fato dela ser pertinho, praticamente do lado da minha casa. Já a outra é longe.

    Quando há eventos especiais nas duas Igrejas, eu sempre vou. Tanto na A quanto na B.

    As vezes ocorre de eu ir num mesmo domingo de manhã na Igreja A e a noite no culto da B.

    Ah, antes que alguém pergunte: Oferto e dizimo nas duas denominações.

    E se alguém me disser assim: – Então você está vivendo um conflito e quer trocar a B pela A não é isso?

    Eu digo: – Não!!!!

    Amo essas duas e não quero trocar nada e nem ninguém.

    O que quero é poder ir as duas e falar bem das duas para todas as pessoas, sem ser olhada por outros como uma pessoa desajustada e descompromissada com a Obra do SENHOR. Quero passar as demais pessoas que ainda não conhecem JESUS que naquelas duas assembleias eu presencio um DEUS vivo e verdadeiro que salva cura e liberta.

    Porém quando eu relato com alguns irmãos essa questão, eu recebo críticas, alguns dizem que isso não é correto, essa coisa de servir a dois senhores, e etc…

    Mas o fato é que o meu SENHOR é JESUS CRISTO!!!

    Pois só ele é digno de toda Honra e Glória nos céus e na terra e faço isso porque quero sempre louvar, adorar, estar na presença de DEUS, e em comunhão com os irmãos, independente de qualquer denominação.

    O que mais me espanta é que as pessoas, que procedem assim, fazendo críticas, vão a Igreja somente no domingo.

    Mas eu, que quero estar na Igreja quase todos os dias, louvando, adorando e ofertando ao SENHOR é que estou errada, pois as denominações são diferentes.

    Parece que o corporativismo bairrista desses irmãos fala mais alto. Esse tipo de comportamento deles também em nada denota o espírito cristão, pois ele restritivo e limitador. Enquanto que, até onde eu sei, JESUS CRISTO é a nossa libertação e não a prisão.

    Vai entender!!!

    Por isso é que gostaria de saber sua opinião…

    Por fim, muito obrigada. Deixo a todos a PAZ de CRISTO.

    Sei que não sou, e nem pretendo ser, melhor que ninguém, mas não deixa de ser dureza receber críticas de quem só aparece na Igreja uma vez por semana. Mas mesmo assim, peço ao SENHOR abençoe todos eles.

  4. Entendi oq o pastor que dizer, ele falou a questão de estar em duas igrejas ao mesmo tempo. Como poderei me dedicar ao ministério de uma e está em outra. Qual o meu verdadeiro compromisso com aquela congreção? Preciso saber exatamente onde devo ficar e contribuir no reino de Deus. Bom foi isso que eu entendi.

Deixe uma resposta