Projeto Para Salvar Uma Vida da BV Films contra o Bullying

0

BV Films contra o Bullying
Projeto “Para Salvar Uma Vida” da BV Films contra o Bullying

Nas últimas semanas, uma série de acontecimentos relacionados ao bullying vem chocando o Brasil e o mundo. Tal prática já foi estudada por especialistas, que comprovaram a sua tamanha destruição psicológica na vida dos jovens. Algumas pessoas ficam marcadas por anos.
Há três semanas, o mundo se deparou com a história de Casey Haynes, um estudante de 15 anos cansado de ser alvo de bullying pelos colegas. Casey decidiu reagir e por isso tornou-se um herói, um ícone midiático admirado por pessoas das mais diversas faixas etárias e lugares do mundo.
O vídeo suscitou velhas e novas discussões sobre violência e vingança nos últimos dias, e despertou a sociedade para esta terrível realidade. A popularidade é tamanha que está disponível na internet um jogo que ilustra a situação no colégio. O jogo foi denominado Zangief Kid, uma alusão ao game Street Fighter.
Já na última semana, uma história mais grave tomou as piores proporções possíveis e também virou notícia mundial. Um jovem que, em sua época de escola, sofreu bullying e outros tipos de transtornos como a perda da mãe, resolveu se vingar de todas as agressões, constrangimentos e sofrimentos a ele causados. O jovem Wellington Menezes de Oliveira entrou em sua antiga escola em Realengo no Rio de Janeiro e disparou várias vezes contra crianças, matando mais de 10 alunos e ferindo pelo menos outros 20.
Nos dias seguintes a este ataque à escola de Realengo, outras tentativas de reação negativa ao bullying viraram notícia no país, como por exemplo a de um adolescente que entrou em uma escola no Rio de Janeiro armado com uma faca para matar um colega de classe. (link)
Outros casos surgiram desde a trajédia na escola de Realengo e estão, infelizmente, se tornando cada vez mais constantes. Surge então uma dúvida das autoridades, pais e de todos os cidadãos: O que pode ser feito para mudar esta dura realidade?
Devido a estas notícias, tem-se falado muito em detectores de metais, seguranças nas escolas e outros métodos diversos. Mas, com certeza, a melhor arma contra este tipo de violência é o combate direto ao Bullying pelos próprios jovens e pelas escolas.
Projetos como o de Serginho Groisman, do Altas Horas, que visa o combate ao bullying e o projeto Para Salvar Uma Vida, da BV Films, podem ser uma grande alternativa para mudar esta realidade. O projeto da BV Films, por exemplo, traz um filme, que pode ser exibido em escolas e igrejas, que conta a história do jovem Jake, um garoto popular no colégio. Ele tinha tudo: a namorada mais desejada da escola, uma bolsa para jogar basquete na universidade dos sonhos e amigos por toda parte. De outro lado, Roger, que fora melhor amigo de infância de Jake, não tinha nada, nem amigos ou namorada, e  nem mesmo esperança. Por conta da popularidade, Jake se afasta de Roger, e isto o leva a entrar armado no colégio, cometendo um ato trágico. Jake, então, passa a se sentir culpado e a se perguntar se poderia ter salvado Roger. Buscando respostas, Jake se depara com um jovem que vive uma situação parecida com a de seu amigo, e tenta, desta vez, fazer a diferença na vida deste rapaz. Porém, seu mundo começa a desabar e ele começa a perder tudo que tinha, e precisa analisar o que realmente quer da sua vida.


Para Salvar Uma Vida (Trailer oficial BV Films)

O projeto visa ensinar aos adolescentes a lidar com os problemas do bullying e como identificar, nas escolas, outros jovens com este tipo de problema, observando fatores como isolamento, atitudes indevidas, fatores psicológicos e etc. No site www.salvarumavida.com.br é possível conhecer um pouco mais deste projeto.
Já é hora do país se mobilizar contra esta praga que vem assombrando jovens, pais, colegas de classe e a toda a população. Essa é a luta por um futuro melhor para o mundo e principalmente para as crianças do futuro.

Fonte: BV Films 
Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação integral do texto e a divulgação do link www.amigodecristo.com

Deixe uma resposta