Atirador deixa carta pedindo perdão de Deus

0

Atirador deixa carta pedindo perdão de Deus
Úlitmas notícias sobre o Atentado em escola no Rio
Em carta, atirador pede perdão pelo atentado em Escola no Rio de Janeiro

Na carta encontrada com o atirador que matou onze crianças na escola Tasso da Silveira, no Realengo, na manhã desta quinta-feira (7), Wellington Menezes de Oliveira, 24, dá orientações de como deverá ser feito o seu enterro e pede que doem a casa em que vivia para alguma instituição que cuide de animais.
Depois de matar as crianças –dez meninas e um menino– o atirador foi baleado por um sargento da Polícia Militar e depois se suicidou com um tiro na cabeça, de acordo com a PM. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, há 13 feridos, sendo dez meninas e três meninos –quatro estão em estado grave.
“Os que cuidaram de meu sepultamento deverão retirar toda a minha vestimenta, me banhar, me secar e me envolver totalmente despido em um lençol branco que está neste prédio, em uma bolsa que deixei na primeira sala do primeiro andar. pós me envolverem neste lençol poderão me colocar em meu caixão. Se possível, quero ser sepultado ao lado da sepultura onde minha mãe dorme. 
Minha mãe se chama Dicéa Menezes de Oliveira e está sepultada no cemitério Murundu (sic)”.
Num outro trecho, ele diz: “Eu deixei uma casa em Sepetiba da qual existem instituições pobres, financiadas por pessoas generosas que cuidam de animais abandonados, eu quero que esse espaço onde eu passei meus últimos meses seja doado à uma dessas instituições (sic)”, afirma.

Leia a carta deixada pelo atirador do atentado em escola no Rio, pedindo perdão de Deus :

Tragédia

A Secretaria Estadual de Saúde e Defesa Civil confirmou, no final da manhã, as mortes de 11 estudantes no ataque à escola. Segundo a pasta, morreram dez meninas e um menino. Os estudantes têm entre 12 e 14 anos. Mais cedo, policiais militares e oficiais do Corpo de Bombeiros informaram que 12 crianças haviam morrido. O atirador também foi morto, mas não chegou a ser socorrido.

As vítimas foram levadas para o Hospital Estadual Albert Schweitzer, Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, Hospital Universitário Pedro Ernesto, Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia e Hospital da Polícia Militar.
Veja as últimas notícas sobre o atentado em escola no Rio de Janeiro:
Atentado em escola no Rio deixa vários mortos
Atentado em escola no Rio é destaque na impresa internacional
Matéria sugerida por anônimo. 
Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação integral do texto e a divulgação do link www.amigodecristo.com
Informações UOL

Deixe uma resposta