Malafaia diz em culto que quem não desse oferta não seria abençoado!

3
Malafaia diz em culto que quem não desse oferta não seria abençoado!
Segundo o colunista da IstoÉ, Ricardo Boechat, o pastor Silas Malafaia estaria se referindo aos gastos com novo templo em Araruama (RJ).
O pastor Silas Malafaia (foto), 52, durante um culto em Araruama (RJ) no dia 16 de fevereiro, lembrou que no templo em que estavam tinha custado R$ 600 mil e em seguida disse: “Quem não der oferta, tudo bem. Mas não sairá daqui abençoado”.
Malafaia é da Igreja Assembleia de Deus, da subdenominação Vitória em Cristo, criada por ele.
Araruama é uma cidade de 112 mil habitantes do litoral fluminense a 108 km do Rio. Com 450 cadeiras, a igreja ali da Vitória em Cristo foi inaugurada no dia 18 dezembro de 2010. Ela é mais uma das 1.000 que o pastor planejou inaugurar nos próximos anos.
Malafaia faz parte de uma minoria entre os evangélicos que possui curso superior. Ele se formou em psicologia, mas se distingue por um estilo direto e ríspido, com casca de abacaxi. Ou “franco”, como afirmam seus admiradores.
É um estilo bem diferente, por exemplo, do apóstolo Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial, que, tendo estudado até o quinto ano do ensino fundamental, tem sido sutil e criativo na abordagem aos fiéis, como no caso da invenção do trízimo – 10% da Deus, 10% para Jesus e 10% para o Espírito Santo.
Em Araruama, quando Malafaia disse que quem não desse dinheiro ficaria sem benções, uma parte dos fiéis desistiu do culto.

Iformações: Blog Paulo Lopes com informação da IstoÉ

3 COMENTÁRIOS

  1. Por que o espanto ? Está tudo escrito: "…muitos farão comércio de vós." e "…surgirão falsos profetas…." "Por isso deixarão a sã doutrina e seguirão ensinamenos de homens." O apóstolo Pedro já advertia sobre as divisões no cristianismo e exortava que tomássemos ainda mais cuidado com as divisões das divisões, as quais ele chamou de seitas de perdição. Pelo orgulho e ganância das pessoas essa gente se cria e se estabelece. Por isso se diz: "…atrás de toda a sorte de novidades ajustarão mestres para si…"

  2. É de lamentar que pessoas como ele usem da fé das pessoas para tirar dinheiro.
    Mais digo uma coisa dar dizimo com fé não recrimino.
    Mais não gostaria de estar na pele dele no juízo final onde terá que prestar contas não na nossa justiça a do homem mais sim na justiça DIVINA!!
    Que DEUS ilumine nossos Pastores!!!

Deixe uma resposta