Sansão e Dalila Sexto capítulo !

0

Sansão e Dalila Sexto capítulo !

Sansão despeja uma pilha de roupas sujas de sangue em cima de Faruk e outros soldados. Ele diz que aquele é seu pagamento. Quando ele vai sair, Ieda tenta abraçá-lo, mas Sansão a empurra e a faz cair. Simas o expulsa. Dalila está diante de Hannah que a expulsa do palácio. Dalila tenta se defender até que as duas olham para o punhal e avançam sobre ele, travando uma luta pela arma. O punhal desliza para a entrada e para sob o pé Abbas. Dalila abraça o comandante e diz que Hannah tentou agredi-la. A mulher tenta se defender, mas Abbas a pega pelo braço e sai, levando-a. Jana e outras cortesãs vão até Tais incrédulas com a expulsão de Hannah diante de seus próprios olhos. Tais diz que Dalila pagará pelo que fez, já que o comandante não faz nada em vão e seu preço é alto. Abbas está analisando o punhal e Dalila entra, a pedido do comandante. Ela agradece, mas o comandante diz que sabe o que Dalila fez.


A moça tenta seduzi-lo mas Abbas a joga na parede, rasgando sua roupa e beijando seu corpo de maneira voraz. Os homens do povoado de Sansão discutem exaltados sobre a pobre colheita que fizeram. Zilá culpa Sansão por tudo de ruim que está acontecendo ao ter renegado a responsabilidade como juiz do povo. Sansão caminha sozinho até que o Andarilho se aproxima dele. Sansão conta que foi traído por sua esposa. O Andarilho orienta Sansão para que siga seu caminho. O hebreu fica desorientado enquanto o Andarilho se afasta. Os príncipes chegam até o palácio enquanto as mulheres se preparam. Myra anuncia que apenas Dalila fará a abertura para o banquete. Todas ficam chocadas. Simas comemora a fartura de sua colheita. Ele se assusta ao ver Sansão se aproximar. Sansão se dirige para a casa de Simas sendo seguido pelo homem que parece aflito. Sansão quer ver Ieda, mas Simas tenta impedi-lo dizendo que ela não está em casa. Judi vê Sansão e conta que sua irmã está no quarto. Sansão vai até lá e quando abre a porta se depara com Faruk se levantando da cama.

Sansão fica perplexo diante do que vê. Ieda ainda se explicar, mas é impedida por Faruk. Sansão sai furioso e Simas ainda o alcança, tentando se justificar, em vão. Myra entra no quarto das meretrizes carregando roupas e anuncia que apenas Dalila irá se apresentar. Tais fica indignada e questiona o que ela tem de especial. É quando Dalila entra, vestida de maneira altiva com muitas joias chamando a atenção de todas. Jidafe está diante de alguns homens orientando sobre a distribuição da colheita. Héber diz a Samara que Sansão deveria saber o que está acontecendo. Héber dá a entender que irá atrás do herói. Samara se enche de esperanças mas ele pede que não conte para Zilá. Aron envia um mensageiro para pedir reforço de Abbas, aumentando a raiva de Faruk. Sansão incendeia as searas dos filisteus.

Héber caminha por locais desertos, entre as cidades. Dalila cumprimenta os cinco príncipes e começa a dançar para eles sendo presenteada por todos. Abbas está por ali e um soldado diz algo em seu ouvido. O comandante se afasta. Dois soldados seguram Hannah. Sansão cai exausto em meio ao incêndio. Faruk e os soldados chegam às searas e se deparam com a destruição causada pelo fogo. Dalila entra exausta no quarto, repleta de joias. Tais fica com inveja e pede a ajuda de Jana para acabar com Dalila. Se não concordar, Tais ameaça contar para Abbas o que Jana faz ao sair do palácio. Myra vai até Dalila e diz que o comandante a espera. Dalila se dirige para a sala de Abbas e para na porta ao vê-lo falando com soldados sobre a incompetência de Faruk em deter Sansão. Ele vê Dalila e ordena que os soldados se preparem para ir até Timna. O comandante alerta Dalila sobre a presença de Hannah e o risco de morte que pode correr. Ele diz a Dalila que ela lhe pertence e a beija calorosamente.

Sansão está lavando seu rosto no rio e Héber o chama. Judi entra no quarto de Ieda e pede desculpas por tudo o que já fez. Ieda se emociona e abraça sua irmã. Héber fala sobre o comportamento de Jidafe no povoado, mas Sansão não lhe dá ouvidos. Ele conta que foi traído por Ieda. Yunet vai até o quarto das mulheres e alerta Dalila sobre o perigo que Tais pode representar. Jana e Tais vão até uma feiticeira buscando uma forma de afastar Dalila de seus caminhos. A mulher diz que nada pode fazer, então Tais pede um veneno para acabar com a vida de sua inimiga. Sansão fala sobre a traição e Héber questiona se Sansão ouviu sua esposa. Héber aconselha seu amigo a evitar uma guerra contra os filisteus e Sansão decide voltar para seu povoado levando Ieda. Abbas e outros soldados caminham pelos campos destruídos. Ele diz que Faruk morrerá por sua incompetência, mas o soldado pede mais uma chance. O comandante ordena que Faruk seja acompanhado por outros soldados e busque Sansão pela cidade. Abbas culpa Ieda e sua filha família pelo incêndio e manda Aron e outros soldados queimarem sua casa.
Fonte: R7 Entretenimento

Visite: Amigo De Cristo, Videos Amigo De Cristo

Deixe uma resposta