Sansão e Dalila – 11º Capítulo

0
Décimo 1° capítulo de Sansão e Dalila
Décimo 1° capítulo de Sansão e Dalila

Sansão e Dalila – 11º Capítulo – Sansão está fazendo uma lança, quando chega o andarilho e o alerta sobre a chegada do exército. Criados servem os príncipes filisteus. Inarus pede que o príncipe de Ecrom apresente sua protegida. Ele aponta para uma mulher que se aproxima.

É Tais. Abbas se dirige até um trabalhador e pergunta sobre Sansão. Ele fala ainda sobre sua fama de destruidor e por influência do comandante, o homem se afasta para reunir um exército que capture Sansão.

O andarilho avisa para Sansão que ele terá de lutar contra seu próprio povo. Dalila e Tais se encaram. Myra e Yunet estão no local e ficam preocupadas com a volta de Tais. Inarus pede que Dalila se apresente para os convidados. Tais vai até Yunet e Myra e pergunta sobre Jana. Elas não sabem onde se encontra a cortesã. Jana cuida de seu pai que delira e passa muito mal. Sansão está em sua barraca quando chegam os homens de Judá. Eles dizem que para o bem de seu povo, devem entregar Sansão. Ele pede que os homens o amarrem e o levem vivo até os inimigos filisteus.

Jana dá um último beijo em Aliã antes de sua morte. Héber trabalha e Samara se oferece para ajudá-lo. Héber é indiferente e não aceita. Diana chega para auxiliar Héber, deixando Samara surpresa. Sansão é levado pelos homens para junto dos filisteus. Abbas sorri satisfeito ao ver aquela cena. Os homens levam Sansão até que ele cai aos pés do comandante. Abbas o provoca e Sansão levanta arrebentando as cordas.

Os soldados ficam alarmados e apontam suas espadas para Sansão. Abbas é sarcástico ao ver a arma de Sansão. Os soldados avançam sobre o hebreu que se defende. Sansão sofre muitos golpes, mas os soldados são derrotados um a um. Sansão derrota todos os soldados. Quando vai abater Abbas, ele recua e ordena que o comandante avise à Inarus que não atente mais contra os hebreus. Os homens se aproximam de Sansão e comemoram sua vitória.

Sansão perde os sentidos e cai ao chão próximo a uma fenda na pedra. Sansão está exaurido e pede que Deus poupe sua vida. A fenda da pedra se abre e dela sai água. Sansão se aproxima e a bebe, emocionado, recobrando os sentidos. Sansão caminha, quando o Andarilho o alcança. Ele avisa que vai para Gaza. Dalila diz à Myra que vai sair para ir atrás de Jana. Myra mostra que já chegou ao palácio e Dalila fica sabendo da morte de Aliã.

Jana quer ir embora, mas Dalila a convence para que fique um pouco mais. Tais conversa com Inarus. Ela o deixa intrigado ao dizer que Dalila está se envolvendo com o príncipe de Gate. Tais encontra Jana no palácio e pede sua ajuda para destruir Dalila. Se não colaborar ela ameaça revelar que Jana é hebreia.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here