Dilma foi empossada e dá adeus a Lula !

0

Dilma foi empossada e dá adeus a Lula !

Dilma Rousseff  foi empossada neste sábado (1º) como presidente da República. Nos dois discursos que proferiu – no Congresso Nacional e no Parlatório do Palácio do Planalto – a nova presidente reafirmou o compromisso de combater a miséria e erradicar a pobreza. Falou também em mudanças no sistema de impostos e fez um aceno à oposição.
Segundo ela, a luta “mais obstinada” do novo governo será “a erradicação da pobreza extrema e a criação de oportunidades para todos”.
No primeiro discurso, que durou 40 minutos, Dilma reafirmou a defesa da liberdade de culto e de imprensa, disse que a corrupção “será combatida permanentemente” e que estende a mão aos partidos de oposição.
“A partir deste momento, sou a presidente de todos os brasileiros”, declarou. Dilma prometeu ainda melhorias nas áreas de saúde, educação e segurança.
Para dar longevidade ao atual ciclo de crescimento, Dilma afirmou que ” é preciso garantir a estabilidade, especialmente a estabilidade de preços, e seguir eliminando as travas que ainda inibem o dinamismo da nossa economia, facilitando a produção e estimulando a capacidade empreendedora de nosso povo”.
Ela defendeu uma  máquina administrativa mais eficiente e medidas para racionalizar o sistema tributário.
“É, portanto, inadiável a implementação de um conjunto de medidas que modernize o sistema tributário, orientado pelo princípio da simplificação e da racionalidade. O uso intensivo da tecnologia da informação deve estar a serviço de um sistema de progressiva eficiência e elevado respeito ao contribuinte”, afirmou.
Dilma lembrou os tempos da juventude, quando combateu a ditadura militar e foi presa e torturada.
“Queria dizer a vocês que eu dediquei toda a minha vida à causa do Brasil. Entreguei, como muitos aqui presentes, minha juventude ao sonho de um país justo e democrático. Suportei as adversidades mais extremas infligidas a todos que ousamos enfrentar o arbítrio. Não tenho qualquer arrependimento, tampouco não tenho ressentimento ou rancor. Muitos da minha geração, que tombaram pelo caminho, não podem compartilhar a alegria deste momento. Divido com eles esta conquista, e rendo-lhes minha homenagem”, disse.
No discurso, a presidente reafirmou seu compromisso com os valores democráticos. “Prefiro o barulho da imprensa livre ao silêncio das ditaduras. Quem, como eu e tantos outros da minha geração, lutamos contra o arbítrio, a censura e a ditadura, somos naturalmente amantes da mais plena democracia e da defesa intransigente dos direitos humanos”.
Ela também prestou homenagem ao ex-presidente Lula. “Conviver todos estes anos com o presidente Lula me deu a dimensão do governante justo e do líder apaixonado por seu país e por sua gente. A alegria que sinto pela minha posse como presidenta se mistura com a emoção da sua despedida”.
Dilma afirmou que apesar das conquistas obtidas no governo Lula ainda há muito por ser feito.
“Já fizemos muito nos últimos oito anos, mas ainda há muito por fazer. E foi por acreditar que nós podemos fazer mais e melhor que o povo brasileiro nos trouxe até este momento. Agora é hora de trabalho. Agora é hora de união. União de todos nós pela educação das crianças e dos jovens. União pela saúde de qualidade para todos. União pela segurança de nossas comunidades. União para o Brasil continuar crescendo, gerando empregos”, declarou.
Preparativos
Antes de receber a faixa presidencial, Dilma permaneceu na Granja do Torto, residência oficial da presidente eleita durante o período de transição. Recebeu assessores, maquiadora e ganhou buquês de flores.
Às 14h05, Dilma deixou a Granja do Torto rumo ao Congresso Nacional. Por causa da chuva, ela fez o trajeto em carro fechado e teve de entrar pela Chapelaria, em vez de subir a rampa.
Às 14h51, Dilma fez o juramento de posse e discursou. Em seguida, o presidente do Senado, José Sarney, declarou Dilma e Temer empossados para a Presidência e vice-Presidência, respectivamente.
Às 16h32, Dilma Rousseff deixou o Congresso Nacional, passou em revista às tropas e beijou a bandeira do Brasil.
Depois, iniciou desfile em carro aberto, junto com a filha, Paula Rousseff, rumo ao Palácio do Planalto. Lá, subiu a rampa ao lado do vice-presidente, Michel Temer. Ambos foram recebidos por Lula, que passou a faixa presidencial para Dilma às 16h49.
Às 16h54, Dilma discursou no Parlatório. Após o pronunciamento, recebeu cumprimentos de autoridades e chefes de Estado no Palácio do Planalto.
Depois, deu posse aos novos ministros. A presidente encerrou o dia participando de um coquetel no Itamaraty com chefes de Estado e autoridades.

Veja outros artigos realcionados coma  cerimônia de posse de Dilma :

Dilma vai desfilar com a filha na cerimônia de posse.

Dilma vai desfilar com a filha na cerimônia de posse. A presidente eleita Dilma Rousseff decidiu desfilar com a única filha, Paula Rousseff, na cerimônia de posse, que…

  Fonte: Globo.com

Visite: Amigo De Cristo, Videos Amigo De Cristo

Deixe uma resposta