Declarações dos “deuses” da prosperidade

0

Declarações dos “deuses” da prosperidade: Tiutulo original, BENNY HINN E SUA GANGUE

Os líderes da Teologia da Fé/Prosperidade estão cada vez mais ousados em suas declarações heréticas, relegando o Senhor Jesus Cristo ao segundo plano e colocando-se acima do Rei dos reis e Senhor dos senhores. Eles torcem desavergonhadamente as Escrituras, a seu bel prazer, ensinando coisas diabólicas aos seus seguidores. Vejamos algumas dessas declarações que nos deixarão convencidos de que a apostasia dos tempos finais está correndo mais veloz do que os carros na Fórmula 1.

Outra coisa chocante é o péssimo Inglês desses “deuses”. Eles usam um estilo repetitivo, mastigado, com aparência de tremenda debilidade mental (ou será demoníaca?) dos pregadores. Preparem-se para ler essas declarações…

Benny Hinn – Quando você diz: “Eu sou cristão”, está dizendo “Sou Messias”, em Hebraico. Em outras palavras, sou um pequeno Messias andando pela terra. Esta é uma revelação chocante… Por assim dizer? Ora, você é um pequeno deus andando pela terra!” (Praise a-Thon, TBN, 06/11/1990).

Benny Hinn – Adão era um super-ser, quando Deus o criou. Não sei se as pessoas sabem disso, mas ele foi o primeiro super-homem que existiu. Antes de tudo, as Escrituras dizem que ele tinha o domínio “sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra” (Gênesis 1:28). A palavra “domínio” em Hebraico significa claramente que quando se tem domínio sobre algo, pode-se fazer tudo que esse algo faz. Em outras palavras… Adão não apenas podia voar [como as aves], mas também se elevar no espaço e até podia chegar à lua (Praise the Lord, 26/12/1991).

Benny Hinn – Diz a Bíblia que os profetas falavam as palavras, sem saber o que estavam dizendo. Quatro mil anos se passaram, até que o Verbo se fez carne, andou, falou… A palavra falada tornou-se um ser humano… Recebeu pernas, braços, olhos, cabelos, um corpo. Digo-lhes que a palavra falada pela boca dos profetas ainda não estava andando pelas praias do Mar da Galiléia.(“The Person of Jesus”, TBN 15/12/1990).

Benny Hinn – Jesus Cristo sabia que a única maneira de derrotar Satanás era tomar a natureza deste, para que todos os que têm a natureza de Satanás pudessem compartilhar da natureza divina.(“The Person of Jesus” – TBN 15/12/1990).

Paul Crouch – Alguém disse – não me lembro quem – mas eles garantem que os seus mestres da fé declaram que são deuses. Eu sou um deus. Um deus pequeno, agora… Mas somos os deuses deste mundo… Você é um deus, um deus pequeno? Ele (Copeland) vai dizer: “sim”. Adoro isso!” (Praise the Lord, TBN, 05/02/1986).

Paul Crouch – Ele [Deus] não faz qualquer distinção entre Ele próprio e nós… Vocês querem saber o que mais está decretado esta noite? – mesmo com este alto clamor e controvérsia que têm sido espalhados pelo Diabo, tentando trazer dissensão dentro do Corpo de Cristo – que somos deuses! Eu sou um pequeno deus. Tenho o Seu Nome e sou como Ele. Estou dentro do Pacto. Sou um pequeno deus. Que os críticos se mandem. (Praise the Lord, TBN, 07/07/1986).

Kenneth Copeland – Fiquei chocado ao descobrir quem é realmente o maior fracasso na Bíblia… O maior fracasso é Deus. Quero dizer: Ele perdeu a sua primazia com o anjo mais elevado; com 1/3 dos anjos; com o primeiro homem por Ele criado; na terra inteira e tudo que nela existe… Isso é perder demais, gente! Pois, a razão de não sabermos que Deus é um fracasso é que Ele nunca falou isso. Ninguém é um fracasso até que diga que o é. (Praise-a-Thon, TBN abril 1988).

Frederick K. C. Price – Deus nada pode fazer neste ambiente terrestre, exceto o que nós, o Corpo de Cristo, permitirmos que Ele faça. Ora, esta declaração é de tal maneira estranha e contrária à tradição, que… se eles [evangélicos] pudessem colocar as mãos em mim, agora mesmo, a maioria deles iria me queimar na estaca, me esquartejar e dar de comer aos crocodilos. Iriam considerar esta declaração como uma heresia. (Ever Increasing Faith, TBN 01/05/1992).

Frederick K. C. Price – Como eu já falei, Adão entregou a terra à serpente, o Diabo. O resultado é que Adão foi expulso do Jardim… do Éden. Ele começou a vagar por aí e teve problemas, a partir desse dia. Agora Deus estava fora do negócio. Deus saíra do ambiente terreno. Ele não podia fazer mais coisa alguma… na terra. A única maneira de Deus voltar à terra seria recebendo um convite. Ele olhou ao redor e viu vários homens, viu Noé… Ele lhes deu algumas instruções. Mas os homens não fizeram o que ele mandou… Finalmente chegou o ponto em que Deus já havia preparado um plano a ser executado. Foi então que Ele viu um homem chamado Abraão (Ever Increasing Faith, TBN 01/05/1992).

Frederick K. C. Price – Tudo que eu desejo lhes mostrar é que deixem essa mania doentia de achar que Jesus e seus discípulos eram pobres, relacionando isso ao fato de que vocês, como filhos de Deus, têm de imitá-Lo nisso. A Bíblia diz que Ele nos deixou um exemplo a ser seguido. Por isso eu dirijo um Rolls Royce… [E me assento num trono de ouro]. Estou seguindo os passos de Jesus…

A Bíblia diz que ele [Jesus] tinha um tesouro (chamado bolsa) e um homem que tomava conta dele – um tesoureiro chamado Judas Iscariotes. Esse pulha andou roubando a bolsa durante 3 anos e meio e ninguém notou o que ele fazia. Sabem por que? Porque nela havia tanto dinheiro que ninguém podia notar a falta. Se ela contivesse três laranjas e Judas tivesse furtado duas, logo iriam notar a falta. Além disso, se Jesus nada possuía, então para que precisar de um tesoureiro? Um tesouro é usado para supérfluos. Não para o que estamos gastando normalmente… é para… ser gasto quando for preciso. Então, Ele deveria ter um montante para ser gasto e o resto guardado para o futuro. Nesse caso, Ele devia ter mais do que era necessário para viver (Ever Increasing Faith, TBN, 23/11/1990).

Frederick K. C. Price – Logo após ter sido salvo, ninguém me disse que eu poderia fazer qualquer coisa. Ensinaram-me que quando eu orasse, dissesse: “Seja feita a tua vontade”. Isso não parece humildade? Soa como humildade, mas na verdade é estupidez. Quero dizer, na verdade estamos insultando Deus. Realmente, estamos insultando o Pai Celestial… sem nos darmos conta disso. Quando se diz: “Se for da tua vontade”, é o caso de estar chamando Deus de tolo, visto como Ele nos ensinou a pedir. Se Ele for me dar o que Ele deseja, então vai atender o que eu peço, vou receber o que Ele quer me dar… Isso é um insulto à inteligência de Deus. (Ever Increasing Faith, TBN 16/11/1990).

John Avanzini – Jesus tinha uma bela casa, uma grande casa – tão grande a ponto de poder abrigar pessoas, dia e noite, com ele. Permitam-me mostrar-lhes Sua casa. Vamos até João 1 e vou mostrar-lhes a casa. Então, filhos de Deus, a casa era bastante grande para abrigar as pessoas que pernoitavam. Essa era a Sua casa (Believer´s Voice of Victory, TBN, 20/01/1991).

John Avanzini – Jesus lidava com muito dinheiro porque o seu tesoureiro era um ladrão. Agora me digam se um ministério que tem um tesoureiro e que pode ser manipulado por um ladrão tinha po
uco dinheiro. Era preciso muito dinheiro para operar aquele ministério porque Judas estava roubando a bolsa (Praise the Lord, TBN 15/09/1988).

John Avanzini – João 19 conta que Jesus usava roupas de marca. Bem, como podemos chamar? Roupas de marca… é uma blasfêmia! Ora, não é assim que as chamamos hoje em dia? Quero dizer, vocês não captaram o sentido. Essas roupas nem sempre eram do Seu tamanho. Não eram apenas roupas. Eram as vestes que os reis e comerciantes ricos usavam. Eles usavam roupas desse tipo. (Believer´s Voice of Victory, TBN 20/01/1991).

Paul Bullheimer – Não foi suficiente Cristo oferecer o Seu único corpo físico na cruz. Seu puro espírito humano teve de descer ao inferno. O Pai O conduziu, não apenas à agonia e morte no Calvário, mas aos satânicos torturadores do Seu puro espírito, como parte da exata sobremesa do pecado de toda a raça. Durante o momento em que Cristo foi feito pecado, Ele ficou à mercê de Satanás, naquele local de tormento. Quando Cristo se identificou com o pecado, Satanás e suas hostes infernais o governaram, com se Ele fosse um tipo qualquer. Durante a aparentemente interminável passagem pelo abismo do nada, Satanás fez com Ele tudo que desejava e o inferno inteiro se transformou num “Carnaval”. (Destined for Throne – Christian Literature Crusade, 1988 – Praise the Lord, – TBN, 20/08/1987).

Traduzido (em agonia) pela Sra. Schultze
Fonte: Igreja Bereana

Veja outros artigos relacionado com a Teologia da posperidade:

:A teologia da prosperidade é demoníaca, diz Ronaldo Didini 
A teologia da prosperidade é demoníaca, diz Ronaldo Didini … Hoje, Didini é um detrator da teologia da prosperidade, que, segundo ele, é um câncer que … 

:Mais um Pastor caloteiro 
Ele tem dado grande ênfase à teologia da prosperidade, o que acabou dividindo sua congregação. Nos dois vídeos abaixo ele trata da questão

3º: Philip Yancey fez criticas sobre teologia da prosperidade na …
Durante sua visita a EXPOCRISTÃ Philip Yancey fez criticas sobre teologia da prosperidade , expocritã que terminou no último domingo com
www.amigodecristo.com/2010/09/philip-yancey-fez-criticas-sobre.html
Visite: Amigo De Cristo, Videos Amigo De Cristo

1 COMENTÁRIO

  1. Se eu tivesse queixo (rsrsrs…) ele estaria caído!!! Mas de boca aberta eu estou!
    Geeeeennnte o que é isso?!!
    Como diria "Boris Casoy": isso é uma vergonha!!!

Deixe uma resposta