23% da população da Alemanha aceitaria chip no corpo

0

23% da população da  Alemanha aceitaria chip no corpo
 Possível ´sinal da besta´ é aprovado

Pesquisa feita pela Associação Alemã das Empresas de Informação, Telecomunicação e Novas Mídias (Bitkom) revela que 23% dos moradores da Alemanha aceitariam sem problemas ter um microchip inserido no próprio corpo, contanto que isso venha a trazer benefícios concretos a eles.

O levantamento, realizado com cerca de mil pessoas de várias cidades, foi divulgado na feira de tecnologia Cebit, que vai até o próximo sábado (7), em Hannover. A pesquisa tem como objetivo mostrar que a divisão entre vida real e vida digital é cada vez mais estreita. O tema da Cebit neste ano é “Connected Worlds” (mundos conectados).

“Esse é um grande exemplo de quão longe as pessoas querem que as redes cheguem”, disse o presidente da Bitkom, August-Wilhelm Scheer.

Situação britância

Na Inglaterra, uma pesquisa semelhante fora feita no final de 2006, e revelou que um em cada vinte adultos se dizia disposto a usar um microchip no corpo para evitar o uso de cartões de crédito ou dinheiro vivo nas compras.

O estudo, promovido pelo Instituto Britânico para o Estudo do Setor da Alimentação (IGD), mostrava ainda que a proporção aumentava de um para dez quando o público entrevistado era composto por adolescentes.

Os microchips subcutâneos estão aprovados nos EUA para uso em humanos desde 2004 e se tornaram verdadeira coqueluche lá e também na Europa. Segundo especialistas, a tendência é um aumento em larga escala e não é de hoje. Em matéria publicada em abril de 2006 no Mensageiro da Paz, órgão oficial das Assembleias de Deus no Brasil, já era real a utilização de microchips para entrar em casa sem usar chaves, ter consumo em bares e rastrear estudantes na Califórnia.

“Aos poucos, vai se consolidando a expectativa de o produto, antes proibido para seres humanos, se tornar em pouco tempo uma grande moda, inclusive sendo utilizado para facilitar o comércio, o que alarma muitos cristãos, que vêem no Chip a semelhança com o sinal da besta em Apocalipse 13.16-17. Afirma a passagem bíblica: ‘E faz a que todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas; para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome’,” informou o jornal Mensageiro da Paz.

Redação CPAD News / Folha / Notícias Cristãs

Visite: Amigo De Cristo, Videos Amigo De Cristo

Deixe uma resposta