Órgão do governo dos EUA pede a Barack Obama que exija libertação de pastor no Irã

0

Órgão do governo dos EUA pede a Barack Obama que exija libertação de pastor no Irã

O órgão do governo dos EUA encarregado de monitorar a liberdade religiosa no mundo está pedindo ao governo Obama exigir que o Irã, liberte um pastor cristão que está enfrentado uma possível execução por apostasia.
O órgão do governo dos EUA encarregado de monitorar a liberdade religiosa no mundo está pedindo ao governo Barck Obama exigir que o Irã, liberte um pastor cristão que está enfrentado uma possível execução por apostasia.
O governo Obama deveria pressionar o Irã a libertar Youcef Nadarkhani, que foi preso há mais de um ano, declarou a Comissão dos EUA sobre Liberdade Religiosa Internacional em um comunicado sexta-feira. A comissão não partidária notou que as experiências passadas com o Irã têm demonstrado que a pressão da comunidade internacional pode influenciar o destino dos prisioneiros.

“Este caso é mais uma prova que não há transparência nem justiça no chamado sistema jurídico do Irã para as minorias religiosas,” comentou o presidente da USCIRF, Leonard Leo. “O tempo é a essencial aqui. A vida deste homem está em jogo. Pedimos ao nosso governo e a comunidade internacional que pressionem por sua libertação e a garantia de que o Irã não tome nenhuma providência extrema, neste caso ou em outros como este.”

Nadarkhani, o líder de uma comunidade protestante em Rasht, no Irã, foi preso em 13 de outubro de 2009, depois de opor-se à prática de forçar os alunos da escola cristã – incluindo seus próprios filhos – a ler o Alcorão. Ele argumentou que a Constituição iraniana dá aos pais o direito de educar os filhos em sua própria fé.

O pastor do nordeste do Irã e, mais tarde, sua mulher, Fatemeh Passandideh, foram acusados de apostasia. Enquanto Passandideh foi libertada no início de outubro, depois de passar quatro meses na prisão. Segundo fontes do Irã e do governo dos EUA, Nadarkhani foi verbalmente informado de que recebeu a pena de morte por apostasia. O pastor iraniano, no entanto, ainda não recebeu um veredito final sobre a sua execução.

De acordo com o Present Truth Ministries, que apoia a Igreja perseguida, a execução de Nadarkhani foi adiada. O Present Truth Ministries relatou no sábado passado que Nadarkhani estava inicialmente programado para ser executado em 24 de outubro.
“Ele está atualmente sob a pena de morte, mas eles estão atrasando o cumprimento da sentença, a fim de colocar mais pressão para que ele se afaste de Cristo,” relatou Jason DeMars da Present Truth Ministries.
“Uma vez que o veredito escrito for proferido, haverá 20 dias para recorrer ao Supremo Tribunal Federal,” acrescentou DeMars no site de seu ministério.
Acredita-se que Nadarkhani têm sido pressionado ao longo do ano passado, a renegar sua fé e retornar ao Islamismo.

Segundo a Missão Voz dos Mártires (VDM), se uma sentença de morte foi oficialmente proferida e Nadarkhani for executado, a sua seria a primeira execução judicial de um Cristão no Irã, em duas décadas.
Durante o ano passado, a ofensiva do governo contra as minorias religiosas se intensificou. Várias Igrejas no Irã foram fechadas e vários convertidos de origem muçulmana, foram presos e detidos. No Irã, é ilegal para os muçulmanos a conversão ao Cristianismo, entretanto, os Cristãos têm permissão de se converterem ao Islamismo.

Os grupos de direitos humanos têm sugerido que a ofensiva contra os não-muçulmanos, as minorias religiosas provavelmente está relacionada às disputadas eleições de junho 2009. Após as eleições do ano passado, as forças do governo têm reprimido vários grupos civis.
“Esse padrão de prisão e perseguição de minorias religiosas, juntamente com o aumento da retórica inflamada do presidente Ahmadinejad e outros líderes não é visto desde os primeiros anos da revolução iraniana,” afirmou Leo.

A USCIRF (Comissão Internacional dos Estados Unidos sobre Liberdade Religiosa) instou o governo Obama a continuar se manifestando, como a Secretária de Estado dos EUA Hillary Clinton fez, em agosto, em favor das minorias religiosas iranianas.
Fonte: The Christian Post
Veja mais noticias sobre o Presidente Barack Obama 

Egípcia convertida ao cristianismo envia apelo a Obama

Dina el-Gowhary, uma garota egípcia de 15 anos que se converteu do islamismo para o cristianismo, enviou um apelo ao presidente Barack Obama, queixando-se de maus-tratos por parte…

 

Pesquisa mostra que pastores reprovam Barack Obama

Pesquisa mostra que pastores reprovam Barack Obama Levantamento de pesquisa mostra que apenas 30% dos pastores protestantes aprovam o presidente Um novo estudo divulgado pela LifeWay indica que…

 

]O Presidente dos EUA Barack Obama fala da sua fé em Jesus Cristo

O presidente Barack Obama foi forçado a falar de sua fé cristã, na terça-feira, quando uma mulher de Albuquerque lhe perguntou: Por que você é um Cristão?  Ele…

Visite: Amigo De Cristo, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel,Frases

Deixe uma resposta