Serra diz que quem persegue imprensa vai perseguir também religiões

0

O candidato tucano à Presidência, José Serra, criticou hoje em Mato Grosso o que chamou de “cerco” à liberdade de imprensa.

Questionado em entrevista sobre como vê “ataques” do governo federal à mídia, Serra disse que há pessoas que defendem a imprensa só quando ela “fala bem”.

“O que vem incomodando essa gente é que a imprensa vem apresentando notícias que mostram abusos, nepotismo e maracutaia com o dinheiro público. Essa imprensa incomoda os donos do poder. E é só isso. Não é nenhuma objeção doutrinária que eles têm. É uma posição de conveniência. Não há país democrático no mundo sem imprensa livre. Aqueles que perseguem hoje a imprensa vão mais tarde perseguir credos e  religiões. E essa perseguição não tem fim”, disse.

Serra esteve na cidade de Sinop (a 508 km de Cuiabá), onde participou de uma caminhada e visitou uma sede da Apae.

A região está coberta por uma névoa originada de queimadas. O candidato criticou o combate aos incêndios por parte do governo federal.

Fonte: Folha Online

Deixe uma resposta