Lançamento do cinema nacional trata a importância de Deus no casamento

0

A Graça Filmes, distribuidora, lançou o filme na ExpoCristã com a participação de toda a equipe de produção. A Red Films é pioneira em produção de longa-metragem gospel nacional. A empresa lançou seu primeiro filme, “As estrelas me mostram você” em 2008 e está lançando seu segundo filme, “Não é Tarde para Recomeçar”, que é distribuído pela Graça Filmes.


Assista o trailer do filme: “Nunca é Tarde para Recomeçar”



Toda a equipe de produção da Red Films é de Joinville-SC e esteve em São Paulo na segunda semana de setembro, na ExpoCristã, para o lançamento do filme.
A trama fala sobre relacionamento e aborda o distanciamento de Deus. A qualidade técnica daprodução não deixa a desejar e tem recebido elogios. Fábio Faria, roteirista e produtor, confirma: “Nosso filme foi avaliado por duas empresas não gospel e foi considerada a melhor fotografia de filmes brasileiros de 2010 e isso pra gente é uma alegria”.
Os protagonistas da trama formam um jovem casal, que já têm uma filha, e passam por uma crise no casamento. “Eles se casam e voltam no passado para lembrar onde se conheceram. Vão lembrar que se abraçavam, andavam de bicicleta juntos, iam para vários lugares e eram felizes. E por que isso se perdeu? Aí eles vão ver que foi o distanciamento de Deus”, explica o produtor.

Jeferson Serena, que interpreta o marido no filme, afirma que o que os casais realmente precisam é de Deus. “A gente tem expectativa de que com Deus  vai dar tudo vai dar certo e vai surtir efeito e acabar ajudando muitas famílias, tanto no meio evangélico quanto fora”.

Glaucya Paul, a protagonista, que interpreta a esposa, fala sobre o desafio de passar a mensagem de Deus às pessoas. “A gente sempre ora antes e vai bem preparado para podermos mostrar o brilho de Jesus. Nossa maior preocupação é essa”.
“Todo mundo que conhece o filme chega a se surpreender, está com umas imagens super legais… É o segundo filme da Red Films, estamos abrindo portas e a caminhada é longa”, diz ela que afirmou ter sido uma experiência de total dependência de Deus.
Em entrevista ao Guia-me, Fábio Faria falou sobre a importância de abordar o tema relacionamento. “O que foi perdido não foi o romantismo apenas, o que se perdeu é a proximidade de Deus. Casamento sem Deus é uma instituição falida, não tem jeito. Sem Jesus não dá, porque é Ele quem vai me ajudar nessa trajetória, e é isso que a gente passa através do filme”, explica.
Fonte: guiame.com.br
veja também:

Mais de 50 pessoas se convertem em exibição de filme cristão

A primeira exibição do filme “Para Salvar uma Vida” aconteceu no último dia 21/08 na Igreja Nova Vida de Alcântara, São Gonçalo – Rio de Janeiro, para um público em torno de 1500 pessoas.

O evento foi iniciado as 17h com brincadeiras e banda tocando para animar o público, após, deu-se início a projeção do filme.

O filme foi projetado em uma noite de muita emoção e comoção por parte de diversas pessoas, desde crianças até idosos. A reação do público ao ver o filme foi totalmente positiva, principalmente, ao ver que o filme relata assuntos do cotidiano dos jovens e como eles podem lidar com estas situações.

Deixe uma resposta