Ladrões levam dízimos de igreja evangélica em Niterói

Pela segunda vez em menos de 15 dias, mais uma igreja evangélica foi assaltada em Niterói, município do Estado do Rio.

Em pleno culto de domingo passado, o Centro Evangelístico Internacional (CEI) – na Rua Lemos Cunha – foi atacado por cinco homens, que levaram cerca de R$ 15 mil de dízimos e ofertas, a menos de 200 metros da 77ª DP (Icaraí). Os bandidos renderam obreiros que recolhiam as doações e fugiram num Astra que, segundo testemunhas, tinha a cobertura de uma moto.

Os assaltantes assistiram parte do culto, que teve o batismo de 61 novos fiéis e a Santa Ceia, cerimônia semelhante à comunhão da Igreja Católica. Um dos bandidos foi contido e imobilizado por um fiel, que acabou sendo surpreendido por outro assaltante, que estava sentado no banco da igreja evangélica que estava lotada, com cerca de mil pessoas.

– Não queremos matar ninguém. Só queremos o dinheiro – teria dito o assaltante, segundo uma fiel que não quis se identificar.

A ação durou menos de cinco minutos, por volta das 11h30m. Dois homens anunciaram o assalto a um dos obreiros que acabara de recolher as doações. Outro homem estava na cobertura, dentro do templo. Eles se juntaram a outros dois que estavam no Astra. Uma equipe da 77ª DP – que passava pela porta da igreja – foi alertada e tentou perseguir os assaltantes, sem êxito.

O Centro Evangelístico Internacional é presidido pelo pastor Custódio Rangel, que é também presidente da Adhonep (Associação dos Homens de Negócios do Evangelho Pleno), entidade evangélica que reúne empresários. O outro assalto ocorreu na Primeira Igreja Batista de Niterói, no domingo, dia 8.

Fonte: O GLobo

COMPARTILHAR