Vídeo dos Pastores Gays no Programa Super Pop – Rede TV

0

Vídeo dos Pastores Gays no Programa Super Pop – Rede TV

\"Vídeo

Na noite da última terça-feira, o programa Superpop, da RedeTV!, recebeu os \”pastores\” gays Marcos e Fábio, fundadores da Igreja Contemporânea Cristã, o cantor Emanuel, da polêmica música,  \”Adão e Ivo\”, Gretchen, que dispensa comentários, e mais dois pastores, que souberam muito bem defender o Evangelho contra o homossexualismo.

Veja um trecho desse debate:





Assista o video abaixo:

\"\"



Consideremos, pois, alguns fatores nesse debate:
1) a irritante ignorância e a estupidez da fraca e iletrada apresentadora foram gritantes. Não teria pessoa pior do que Luciana Gimenez (tendenciosa e sem entendimento nenhum) para saber mediar um conflito tão polêmico como este?
2) a sociedade é cada vez mais preconceituosa e contrária aos preceitos bíblicos. É bom os cristãos irem se acostumando a isso, a tendência é piorar…
3) o conformismo com o pecado adentrou de tal forma nos templos que não há mais espaço para renúncia, cruz ou arrependimento. Quando a cegueira vira conformismo, a tendência é achar que há normalidade em todas as práticas erradas (Jo 12.40; II Co 4.4).
4) O Superpop é o maior defensor do homossexualismo da TV brasileira. Sua conduta visa dar todo apoio ao comportamento homossexual e segregar todos os que são contrários à prática.
5) O show de Gretchen: \”Há um versículo na Bíblia que diz: Vem a mim do jeito que você é, eu farei a obra\”. Onde está isso na Bíblia? O pior é que ela ataca o pastor quando ele diz que isso não está escrito assim (acompanhe no vídeo acima a partir de 06:03). O pastor até ri ironicamente da falta de conhecimento da \”rainha do rebolado\”.
6) O pior de tudo: Esses falsos pastores chegaram a soltar esta pérola: \”Os eunucos eram gays\” (acompanhe também no vídeo). Quanta falta de hermenêutica! Quanta tentativa de querer legalizar a Sodomia e avalizá-la nas Escrituras ! Nós, cristãos, que conhecemos a Palavra, sabemos bem que tudo isso é mais uma tentativa de usar a Bíblia para defender o pecado. Um paradoxo, não é? Mas é assim que está sendo feito…
O Superpop é de um nível tão baixo que apela para o sensualismo nos intervalos dos jogos de futebol das quartas-feiras só para ganhar audiência, e é o porta-voz dos gays na TV brasileira.
De qualquer forma, está na cara que a sociedade, a cada dia que passa, se torna mais homossexualizada, tratando esse comportamento como se fosse a menina dos olhos e depravando todos os que, à luz da Bíblia, refutam tal prática.