ANNA CAROLINA JATOBÁ SE CONVERTE

13
ANNA CAROLINA JATOBÁ SE CONVERTE
ANNA CAROLINA JATOBÁ SE CONVERTE

ANNA CAROLINA JATOBÁ SE CONVERTE

Nesta segunda-feira (22/03) teve início o julgamento de Anna Carolina Jatobá e Alexandre Nardoni, conhecidos como o “casal Nardoni”, acusados de matar Isabela Nardoni, filha de Alexandre. De acordo com o Ministério Público, Jatobá esganou Isabella e Alexandre a jogou pela janela do sexto andar do apartamento onde o casal morava, em Santana, na Zona Norte da capital. O crime ocorreu em 29 de março de 2008. A Promotoria diz que houve uma discussão antes da morte da criança. O casal Nardoni alegou inocência sustentando a idéia de que um ladrão matou a menina. Essa terceira pessoa nunca foi encontrada pela polícia.

Presos na cadeia de Tremembé (SP) desde o ocorrido, o casal segue uma rotina de serviços diários prestados na própria penitenciária. Porém, os hábitos de Anna Carolina Jatobá são diferentes dos de Alexandre. Suas atividades diárias incluem oração e freqüência em cultos evangélicos.

Desde que foi presa, Jatobá já haveria pedido ao pastor da penitenciária para ser batizada, mas o pastor alegou que ainda não era o momento porque ela não estava preparada.

Jatobá divide a cela de 12m2 com mais quatro evangélicas e é vista com freqüência fazendo orações. Funcionários do presídio alegaram que Jatobá não fala muito e que, por isso, ganhou confiança, sendo chamada de “Aninha”.

Segundo uma reportagem da revista Veja em 2008, o fato de Ana Carolina ter virado evangélica seria para ter proteção, já que o tipo de crime de que foi acusada não é “aceito” por outros detentos. A “lei” dos detentos rege que pessoas convertidas à religião evangélica têm imunidade desde que não entrem pela disputa do poder dentro da cadeia.

A reportagem ainda afirma que antes de ser presa, Ana Carolina afirmava ser católica, porém lia sobre espiritismo. Depois que foi presa e virou evangélica ela freqüenta cultos, ora e faz parte do coral.

Fonte: Gospel+

13 COMENTÁRIOS

  1. So Deus mesmo pra saber se Ana Jatobá se comverteu mesmo,porque quem comverte de verdade não comtinua mentindo,ela mentiu o tempo todo diante do julgamento .Porque não desvendou o mistério que so ela e o Alexandre,e Jesus sabe,isso e um meio de se proteger no presídio !!!

  2. Finalmente resolvi ler sobre a "conversão" da Ana Carolina Jatobá! O jatobá é uma árvore que dá umas bagas semelhantes ao ingá, de sementes carnosas e deliciosamente doces. Mas essa "jatobá" aí é amarga como absinto! Não derrama uma única lágrima convincente (sim, porque, as lágrimas de crocodilo não convencem ninguém!!!),parece uma estátua da mais dura pedra, insensível ao mal que fez. Concordo com a opinião do "anônimo": se de fato houve uma real conversão, então deveria haver uma confissão sincera ao juiz. Ou então um protesto acompanhado de choro convulsivo, gritos, escândalo, afinal, quem gosta de sofrer inocentemente? Essa passividade fria serviu, mais que tudo, para comprovar a sua culpabilidade e assinar a sentença pelo crime! Pra mim, essa "conversão" tá prá lá de fajuta!!!

  3. Olá! Bom, vim dar uma conferida neste post, pois já tinha escutado à respeito. Mas como hoje é o dia que se comemora a mentira, lamentável, pois pra mim este é o dia que o senhor fez. O dia em que sua misericórdias se renovaram mais esta manhã e também por ser o dia do meu aniversário, rsrsrs. Bom , acredito no Deus de toda a graça, sei que o que fizeram foi de extrema crueldade e requer as suas consequências, que creio que já as estão vivenciando, pois estão sofrendo e pagando presos. Mas não descarto a possibilidade de uma genuina conversão, Saulo foi um assassino cruel que Deus scolheu para seus propósitos. Foi regenerado, passando a ser conhecido como o Apóstolo Paulo. Sei que muitos se aproveitam desta busca da fé nas prisões afim de alcançarem benefícios e muitas vezes não passa de histórinhas de 1° de Abril, rsrs. Mas creio no Deus imutável que mudou a vida de um assassino como Saulo e pode certamente fazer o mesmo na vida dessa jovem e espero sinceramente que ela tenha um verdadeiro encontro com o Deus de todo amor. Agora é claro que isso não a isenta de sofrer as consequências de seus atos sendo mantida presa até o tempo determinado, abração.

Deixe uma resposta